Sobre livros que viraram filmes

Imagem

Hoje fui assistir A Culpa É Das Estrelas com as minhas amigas e assim que saímos das sala de cinema, fiz uma comparação boba entre ACEDE e Divergente (os últimos livros-que-viraram-filmes que eu assisti) e que me deu inspiração para esse post.

Chega ser clichê dizer que os livros serão sempre melhores que os filmes quando, na verdade, isso só acontece quando já o assistimos com a ideia de que ele será ruim ou pior do que a história escrita. Por isso, sempre que vou assistir adaptações de livros que já li ao cinema, evito ter opinião pré-formadas sobre o que vou achar ou não da história, pois, usando como exemplo o dia de hoje, achei o filme melhor do que o livro.

E é exatamente aqui aonde eu gostaria de chegar. A Culpa É das Estrelas foi muito, mais muito além do que eu esperava. É claro que usar a própria imaginação quando lê, dar suas próprias características aos lugares e personagens é incrivelmente melhor do que ter tudo pronto em uma tela, mas o filme me mostrou coisas as quais não haviam sequer passado pela minha cabeça enquanto lia. Ver os personagens rindo, chorando, vivendo me passou muito mais emoção do que quando li e, apesar de já saber toda a história, o filme prendeu completamente a minha atenção e era como se estivesse descobrindo a história de Hazel pela primeira vez.

Enquanto Divergente, foi bem ao contrário. O livro é completamente incrível e a minha primeira sensação ao terminar de ler era que precisava ler de novo. No filme, apesar dos efeitos incríveis e da adaptação ter sido exatamente do jeitinho do livro, achei cansativo. Pelo fato de já saber a história, minha vontade era de adiantar algumas partes ir logo para as cenas mais legais. Resumindo, não troco a história do papel pela da tela de jeito nenhum (na verdade, troco só para poder assistir o Theo James, mas isso não vem ao caso…)

Enfim, é isso ai! Leia/assistam vocês também e me contem suas opiniões sobre ambos as histórias.

Beijos, Mands.

Wishlist: livros sobre moda

Oie gente! Meu aniversário ta chegando, aêee!!! Dia 6 de agosto eu finalmente faço 15 anos e nessa época todo mundo fica me perguntando o que eu quero ganhar de presente (ai que chato, quase não gosto… hahaha!) Pensando nisso, cheguei a conclusão que essa seria a oportunidade perfeita para pedir todos os livros de moda que eu já estou desejando há tempos. Espero que gostem de saber quais são e podem me enviar pelo correio se quiser, sem problemas…

Imagem

1: It Girls – Alessandra Garattoni

Primeiro da lista porque eu realmente quero MUITO esse livro! Ele surgiu depois que a autora resolveu excluir seu blog e juntar seus melhores posts em um livro. Ele conta sobre o universo das It Girls: como elas surgiram? O que é preciso para ser uma? Que maquiagem elas usam? Pelo o que eu li, dizem que é muito bom de ler e é cheio de ilustrações lindas.

2: Style – Lauren Conrad

A autora é uma das minhas it girls favoritas e nesse livro ela conta suas maiores dicas para se vestir bem. É basicamente um guia de estilo e tem até um capitulo especial só para maquiagem ❤

3: Pelo Mundo da Moda – Criadores, Grifes e Modelos – Lilian Pacce

A autora é jornalista, apresentadora do GNT fashion e blogueira. No livro ela reúne várias das entrevistas feitas por ela durante todos esses anos trabalhando com jornalismo e desvenda segredos de estilistas e modelos.

4:. …ismos – Para entender a moda – Mairi Mackenzie

Esse livro é bem histórico do que os anteriores. Conta a história da moda desde o século 17 até os dias atuais. Também explica um pouco de cada estilo e tendências que existiram e existem até hoje. (PRECISO!)

5: O livro negro do estilo – Nina Garcia

Além de ser um guia de estilo, conta também um pouco da história das peças que todo mundo usa (jeans, pretinho básico…), filmes que você precisa ver, explica o que usar em determinado lugar, o que significa cada tipo de traje (esporte chic…) e da muitas dicas de estilo.

6: Chic – Um guia de moda e estilo para o século XXI – Glória Kalil

A autora é um dos maiores (se não, a maior) ícones de moda do Brasil e, como o próprio título já diz, é um guia de moda e estilo para o século XXI.

Bom, esses são apenas alguns dos livros que eu quero no momento e, quando conseguir ler todos esses, farei uma wishlist de livros sobre moda – parte 2!

E ai, já conheciam algum desses livros? Já leram? Me digam o que acharam aqui nos comentários!

xoxo, Mands.

As vantagens de ser invisível

Guess who’s back????? Sim, eu!!!! hahahahaha Final de ano, provais finais, ensaios para o espetáculo de dança e tudo junto complica um pouco minha vida em relação a internet. Mas enfim, vamos ao que interessa…

A pouco tempo atrás eu li um livro maravilhoso, As Vantagens de Ser Invisível do Stephen Chbosky, e agora eu não consigo ler mais nenhum livro porque acho que nenhum vai ser tão bom quanto ele. ):

“The Perks of Being a Wallflower (no Brasil, As Vantagens de Ser Invisível) (…) Narrado em primeira pessoa por um adolescente que se autodenomina “Charlie”, a trama acompanha diversas cenas da vida do rapaz através de cartas escritas por ele a uma pessoa anônima. O romance aborda temas como introversão, sexualidade, uso de drogas, e outros assuntos comuns na adolescência. Além disso, à medida que a história avança, diversas obras da literatura, do cinema e da cultura pop em geral também são mencionadas, e seus significados são discutidos.” Wikipédia

O livro é daqueles que você lê o primeiro capítulo e logo em seguida já quer ler outro e depois outro e outro. É viciante de verdade e eu tenho certeza que você vai se emocionar várias vezes ao longo do livro.

Em setembro/12 foi lançado nos Estados Unidos uma adaptação do livro em filme com o Logan Lerman sendo Charlie e Emma Watson sendo Sam. Eu ainda não assisti ao filme mas pelo o que eu li nesse blog parece que a adpatação ficou incrível ainda mais pelo fato do diretor do filme ser o próprio Stephen, autor do livro.

Além de todas essas qualidades tanto do livro quanto do filme, eu confesso que estou apaixonada pela trilha sonora. Todas as músicas que ele menciona no livro tocam no filme e mesmo que as músicas sejam de um estilo totalmente diferente do que eu geralmente escuto eu baixei todas para o meu iPod.

Clicando aqui tem todas as músicas da trilha sonora e é só clicar no nome do música que abre direto no soundclound onde você pode ouvir e ainda baixar as músicas.

Espero que tenham gostado e me digam aqui nos comentários o que acharam do livro/filme/trilha sonora.

xoxo, @stylesmands